Gênero textual – Editorial

EDITORIAL

O editorial é um texto jornalístico utilizado na imprensa, especialmente em jornais, de caráter opinativo, escrito de forma impessoal e publicado sem assinatura. Tem por objetivo informar, mas sem obrigação de ser indiferente ou neutro.

É um espaço reservado para o jornal, e ou revista, expressar formalmente a sua opinião sobre os mais variados assuntos, com ênfase nos mais atuais e polêmicos.

Sabrina Vilarinho, da Equipe Brasil Escola, relata que “a objetividade e imparcialidade não são características desse gênero textual, uma vez que o redator dispõe da opinião do jornal sobre o assunto narrado. Logo, os acontecimentos são relatados sob a subjetividade do repórter, de modo que evidencie a posição da mídia, ou seja, do grupo que está por trás do canal de comunicação.” Sob esta perspectiva, é possível afirmar que o editorial é um texto menos informativo que opinativo.

Logo o editorial parte de um fato ou assunto e tece a sua opinião acerca do mesmo. O fato informa o que aconteceu e a opinião transmite a interpretação do que aconteceu; para isso, se valem de depoimentos, pesquisas e dados estatísticos.

O editorial se caracteriza como um texto dissertativo, pois apresenta uma estrutura dessa forma, fácil de ser apreendida pelos alunos e muito útil para a orientação na elaboração de seus textos. Apresenta sucintamente a questão, desenvolve argumentos e contra-argumentos necessários à discussão do assunto e à defesa do ponto de vista do jornal, baseados em uma ideia central. Finaliza expondo de modo condensado a posição adotada pelo jornal.

Segundo Maria Alice Faria, no livro “O Jornal em sala de aula”, “o editorial é o texto mais difícil de um jornal, pois é o que lida com idéias, argumentos, críticas, marcando a posição do jornal sobre os principais fatos do momento. Em sala de aula o editorial é, pois, o melhor

exercício para ensinar e levar o aluno a praticar as técnicas da dissertação” (118).

O editorial como fonte de informação para a elaboração/produção de outros gêneros texuais, no caso Carta do leitor.

ATIVIDADE PARA OS ALUNOS DOS 9º ANOS A, B, C, D, E, 

 

Leia novamente o editorial já analisado e discutido em sala de aula, e escreva a sua carta do leitor, endereçada ao Diretor do Jornal O Presente.  Algumas das cartas serão publicadas no jornal impresso e online.

As cartas deverão ser enviadas pelo email. verassatti@hotmail.com 

Acesso  o endereço :

http://www.opresente.com.br/blogs/editorial/rigidez-fundamental-7249/

 

DSC02867DSCN1128

 

 

About these ads

16 pensamentos em “Gênero textual – Editorial

  1. Olá professora, gostei muito de seu trabalho. Sou também professora, mas em uma cidade do interior de São Paulo. Formei-me aí na UNIOESTE, conheço sua escola, mas isso foi em 1994 a 1997.Gostaria de manter contato, pois sou uma idealizadora também. Um grande abraço. Sonia

    • Olá Sônia. Que bom que gostou da minha prática pedagógica.. Penso que realmente o trabalho via Blog tem ajudado e muito em minha atividades para além de sala de aula.. Percebo um aluno mais “antenado” e responsável quando percebe que seu trabalho tem visibilidade. Abraços.

  2. TRABALHO DE PORTUGUÊS
    NOME : Yan Roberto DATA : 14 / 05 / 2013
    NUMERO : 35
    SÉRIE : 9º ano C

    CARTA AO LEITOR

    DE : Yan Roberto
    PARA : Redator do Jornal

    Caro redator , conforme o editorial do dia 26 de abril de 2013 sobre o assunto ” Rigidez Fundamental ” , gostei bastante das novas mudanças , normas e leis , que foram feitas ou criadas para o trânsito de hoje , que no passado era um absurdo e ainda é , mas todos nós esperamos que mude , pelo menos um pouco , que acabe com os ” acidentes ” com as loucuras etc.. , que esse trânsito cria cada ano mais e mais e que agora o motorista sinta no bolso e pessoalmente , com essas penas do trânsito que também aumentaram .
    O trânsito mata gente todo dia , e vai contínua matando muito mais , infelizmente , e sempre acontecem com os outros e falamos que nunca irá acontecer conosco , mas nós nunca sabemos se pode acontecer com nós , pois então a prevenção de acidentes e mortes começa por você .
    agradeço pela sua atenção e obrigado por ler meu comentário sobre o assunto .

    ABRAÇOS

  3. Mundo virtual.
    Há alguns dias ocorreu a morte de uma menina chamada Amanda Tood. Ela se apaixonou virtualmente por um ‘fake’ e infelizmente essa pessoa que ela se apaixonou,postou fotos e videos íntimo dela numa rede social,que se espalhou pelo pais e depois de um mês ela não aguentou mais ser humilhada e cometeu suicidio. E nos perguntamos:quando irão acabar esses crimes virtuais?
    Muitas vezes a tecnologia acaba favorecendo os ‘fakes’ a praticarem esses crimes,mas a maioria das vezes ele acaba deixando rastros um exemplo o ‘fake’ que enganou a Amanda foi preso justo por deixar rastros,muitas vezes as pessoas das redes sociais acabam ajudando os policiais para encontrar o dono do falso perfil.
    Hoje temos que ter total atenção quando começamos uma amizade nova por exemplo no facebook, existem muitos perfis falsos.Acontecem muitos crimes virtuais e quem compra pela internet nem sempre esta seguro que vai receber o produto por isso as pessoas devem saber onde estão comprando.
    As pessoas de hoje em dia prescisam se conscientizar para que não sejam enganadas por ninguém primeiramente conhcer a pessoa com quem conversam e se perceber que esta sendo enganado, procure ajuda com alguém e denuncie!
    Vitor Goetz

  4. Crimes Pela Internet
    O fato da Amanda Todd que se suicidou depois de um homem pediu pra ela ficar nua na web can e ela ficou, e depois ele obrigou ela a ficar nua de novo, se ela não ficasse ele iria colocar a primeira foto na internet, mais ela não ficou, dai ele postou a fotos ninguém mais era amigo dela, ela não aguentou as pressões e se matou.
    A internet é boa para conversar os amigos, parentes que estão longe, para fazer pesquisa para escola ou para mim mesmo, saber notícias da cidade e mundo, acredito eu hoje em dia o uso da internet é essencial.
    A parte ruim do uso da internet que tem pessoas que usam para o mal, para dar golpes financeiros, roubam senhas de contas bancarias, de cartões, etc. Outro mal é pessoas que usam para agredir, praticam cyberbullying.
    É necessário que as pessoas cuidem com quem elas conversam, com o que postam nas redes sociais, não se mostrar e nem passar dados da sua vida.
    Luis Henrique.

  5. Crimes virtuais
    A algum tempo atrás,ocorreu um fato que nos chocou. A adolescente Amanda Todd se suicidou. A garota se apaixonou por um rapaz e por meio da internet o mostrou seus seios e ele a ameaçou de que se não os mostrasse de novo iria colocar suas fotos na internet,e ele colocou. Durante dias Amanda sofreu com o abandono dos amigos, bullying,etc. Até que não aguentou e tirou sua vida. Quantas vezes mais os adolescentes tirarão suas vidas por causa da internet?
    A internet atualmente nos serve para várias coisas, como fazer pesquisas,nos divertir,conhecer pessoas e lugares,descobrir coisas,etc. E atualmente está sendo muito usada,o número de internautas no Brasil é de 94,2 milhões e 28,3% dos internautas brasileiros passam cerca de 6 horas por dia na internet.
    Mas ela também tem seu lado ruim, há muitos casos de bullying cibernético,pessoas que usam perfis falsos para se aproximar de outras e fazê-las algo ruim,pessoas tirando suas vidas graças a internet,roubos e muitas outras coisas.
    O Código Penal brasileiro precisa de mudanças que incluam os crimes cibernéticos, multas e penas a se pagar pelos crimes cometidos. Já outros existem algumas multas e penas, mas é preciso mais para cobrir todos os crimes que acontecem atualmente pela internet.
    Além das mudanças no Código Penal, também precisamos de maneiras para mudar o pensamento especialmente dos adolescentes para que não façam essas coisas e cometam estes crimes. Fazer com que percebam que estão errados e conscientizá-los para que de alguma forma ajudem uns aos outros, e não os ofendam e machuquem.

  6. Crimes Virtuais
    A história de Amanda Tood é muito importante para nós e um exemplo de vida porque essa menina tinha apenas 15 anos, e se envolveu com um homem pela internet e mostrou seu corpo para ele, mas ele fez ameaças contra ela e acabou colocando fotos íntimas dela na rede. Amanda perdeu seus amigos e sua família, todos tinham vergonha dela e então ela acabou se matando.
    Os sites mais envolvidos com esse tipo de crime é os online como, por exemplo, o facebook, twitter, Messenger. Etc.
    Conversar com pessoas pela rede e que você não conhece pessoalmente pode correr muitos riscos e perigos, pois a pessoa pode se aproveitar de você pode enganar roubar, matar e pode pegar dados importantes de sua família.
    Quem comete crimes assim pode pegar de 6 a 1 ano de cadeia e também ganhar multas altíssimas. O código penal do Brasil precisa de melhorias, porque só multas altas e punição não resolvem muita coisa.
    Para estes casos diminuírem devemos ser mais espertos com relação a internet e mais cuidado com sites online, os pais também devem ficar atentos em relação a isso porque a maioria dos casos ocorrem com adolescentes que são enganados.
    Patricia de Oliveira.

  7. Tecnologias.Um perigo??
    Para algumas pessoas a internet e um meio de trabalho, mas para algumas pessoas infelizmente usam para fazer mal ao próximo, para fazer bulling virtual, ‘’zuar’’com as pessoas se passando por gente boa, mas por trás é um marginal.Por exemplo o fato da jovem Amanda Tood, que fez um vídeo mostrando seus seios e mandou para um amigo virtual, ao passar do tempo ele mando ela fazer outro vídeo, ela não fez e ele colocou o vídeo anterior na net e ela foi muito discriminada no colégio e em razão disso acabou se matando.
    Mas para algumas pessoas a net é o seu salário, precisa cada vez mais de ‘’TICs’’ para o seu meio de trabalho, também através da net nos podemos fazer amizades com pessoas de longe, podemos conhecer várias pessoas de outros lugares. A internet e um ótimo meio de comunicação para quem sabe mexer e te mresponsabilidade. Também e um ótimo meio de informação para nos através da net a gente sabe o que esta acontecendo do outro lado do mundo, tudo através das Redes.
    Mas também existem os perigos da net, para aquelas pessoas que não sabem se cuidar, por que existe as pessoas que se passam por amigos, mas atrás do PC e um inimigo, só quer fazer o mal para você, que se passar por um amigo, mas talvez e um marginal um bandido um estuprador que só quer machucar você.
    O código penal já foi alterado, mas deveria mudar para aquelas pessoas que só faz o mal para os outros. Deveria ser prisão por um longo tempo, e dependendo a situação deveria ter pena de morte, porque isso e um crime que afeta o sentimental da pessoa que faz ela se matar, porque não tem mais amigos, por exemplo, a Amanda Tood.
    As medidas que deveríamos tomar era ter mais segurança no uso da net, cuidar com as pessoas que conversamos conhecer as pessoas melhor antes de fazer qualquer coisa e muito menos marcar um encontro com desconhecidos virtuais.

    Uziel Sobreiro Júnior.

  8. CRIMES VIRTUAIS
    A história de Amanda Todd é um exemplo de tantas coisas que acontece na internet. Essa jovem de apenas 15 anos se apaixonou por um homem na internet, se mostrou para ele e ele espalhou para todos e assim ela perdeu seus amigos, escolas e simplesmente se matou pois não aguentava todas aquelas pessoas rindo dela, ele foi preso por postar a imagem dela sem permissão.
    A internet pode nos ajudar e muito, para nós adolescentes ela é muito importante pois nos ajuda em trabalhos escolares, pesquisas e outros. Na internet podemos falar com pessoas, de lugares distantes, ou pertos.
    Mas a internet também pode trazer vários riscos para todos, hoje em dia muitos dizem se apaixonar por pessoas na internet mas sem nem te visto esses indivíduos, e isso pode custar a própria vida, pois podem te sequestrar, roubar, e também até te matar.
    O código penal ja mudou e vai mudar muito, pois as pessoas que praticam essa crueldade devem ser presas por muito tempo para pagar tudo o que fez e a todos que enganaram.
    Poderia ter mais leis sobre isso, que as pessoas se conscientizam antes de sair por ai conversando com qualquer um na internet.
    Francieli Karen sa Silva.

  9. A adolescentes Amanda Todd sofreu uma história triste que serve de exemplo para todos. Elas tinha apenas 15 anos e se “apaixonou” e acreditou por um homem de 30 anos que ela conheceu em uma rede social, ele convenceu ela para que fizesse um vídeo mostrando seus seios e mostrasse pra ele, ela mandou e ele postou na internet. Ele foi preso por mostrar fotos intimas sem permissão na internet. Ela perdeu seus amigos e se matou por não aguentar o sofrimento.
    A internet é útil e importante, ela tem muitas vantagens: com ela podemos fazer trabalhos do colégio, se comunicar com pessoas que estão longe,etc…
    Também tem muitas desvantagens: as pessoas estão criando perfis falsos nas redes sociais para enganar e se aproveitar de outras pessoas, principalmente de crianças e de adolescentes.
    Precisamos acabar com essa triste realidade que temos hoje em dia, precisamos de pessoas que tinham atitude e estejam dispostas a mudar o pensamento da sociedade.
    Devem multar e prender as pessoas que fazem esse tipo de coisa, porque isso é crime: fazem perfil falsos em redes sociais é considerado como falsidade dialógica além de enganar e expor outras pessoas.
    Gabriela Wengrad

  10. Crimes Virtuais
    Algum tempo atrás uma adolescente Amanda Tood veio a se suicidar. Ela foi chantageada, intimidada e fisicamente agredida por um homem que ela conheceu através da internet. O rapaz mandou ela mostrar os seus seios, e ele tirou fotos e postou na internet. Com isso ela foi perdendo as pessoas em seu redor, seus amigos, familiares…Até a hora que ela se matou!
    A internet tem suas vantagens, como: pesquisar seus trabalhos do colégio, ficar em contato com a família, amigos de longe, se divertir, passar o tempo, etc. O número de internautas no Brasil é cerca de 94,2 e quase metade passam várias horas na internet.
    Mas tem seu lado ruim também, como no caso de Amanda que foi chantageada, muitas pessoas estão passando pelo mesmo caso. Tem também pessoas que cometem bullying,perfil falsos, e outros delitos.
    O código penal brasileiro precisa de mudanças que incluam os crimes cibernéticos, multas e penas a se pagar pelos crimes.
    Precisamos ajudar os adolescentes para que eles não se deixem levar pela internet. Fazer eles parar de cometer crimes virtuais, e ajudá-los para que não machucam ninguém.
    Ana Carolina Neuls

  11. ATITUDES SEM PENSAR,CONSEQUÊNCIAS TERRÍVEIS
    É muito frequente crimes pela internet,que causam a morte de muitos jovens.Adolescentes que acabam se matando,um exemplo desses acontecimentos foi o de Amanda Todd.A jovem de apenas 15 anos foi desafiada por um rapaz,que ela não sabe que é,mas que ela conhece pela internet,pois ela tinha costume de conversar com seus amigos pela web,e fazer novos amigos pela rede.O desafio que o homem faz a jovem,era para mostrar seus seios para ele,após mostrar,a jovem se arrepende muito.Passando um tempo,o homem volta a procurar a jovem,lhe pedindo novamente para que ela lhe mostrasse os seios,mas a adolescente recusa,então passa a sofrer ameaças do homem,que se ela não mostrasse ele colocaria as fotos de seus seios na internet,mas a jovem acha que o homem não seria capaz e recusa a proposta,mas o que ela não esperava acontece,o homem coloca as fotos na internet.A partir dessa foto,a jovem fica sem amigos,e passa a sofrer por bulliyng e cyberbulliyng e fica muito doente,se recupera mais não suporta o bulliyng e o cyberbulliyng e acaba se matando.
    Hoje em dia existe várias comunicações,informações,comunidades,sites,que falam sobre o perigo da internet,alertando os jovens cada vez mais.É muito bom essas informações que existe para alertar todos,mais todo cuidado é pouco.
    Não é só o caso de Amanda Todd que causou a morte da jovem por perigos da internet.Vários outros jovens ja tiverem o mesmo caminho.Como por exemplo:falar com desconhecidos,passar informações,endereço,fotos comprometedoras,lugares onde costuma frequentar,e etc,todos devem ter muito cuidado,pois ninguém sabe quem está do outro lado da tela,e do que ele(a) seria capaz.
    A pena para quem pratica alguma ofensa pela internet ou coloca fotos comprometedoras e etc,é de multa para menores e pode dar prisão para de maiores.Mas porque mesmo assim vários praticam cyberbulliyng? ou fazem coisas terriveis pela internet? A resposta é simples:provavelmente o “assasino virtual” só deve pagar uma multa e ir embora como se nada estivesse acontecido.Será que uma multa paga os suicídios causados pelos jovens? Isso precisa mudar.
    O código Penal já foi alterado mas é preciso criar uma nova lei mais rigorosa,como por exemplo,multas de milhões e penas de até 20 anos na prisão no mínimo,talvez o “assassino virtual” pensaria duas vezes antes de acabar com a vida de alguém.

    Maila L.P.Cavani N°27 9°B

  12. CRIMES VIRTUAIS
    A violência virtual é um problema bastante difícil de se entender, pois mata jovens por todo mundo e rouba de muitos a privacidade.
    Hoje em dia com a tecnologia tudo mudou, principalmente os crimes virtuais como o caso da jovem de 15 anos,Amanda Todd que se matou porque foi chantageada por um cara de 30 anos que mandou ela mostrar os seios novamente para ele, caso contrário ele colocaria as fotos que ele tinha dela, mostrando os seios na Internet. E foi o que fez.Ela se matou porque não suportou ver as pessoas que ela gostava se distanciando dela e ela estava muito triste por sofrer muito bulliyng via Redes Sociais.
    As TICs (tecnologia da informação e da comunicação) estão praticamente dominando o mundo.A tecnologia hoje está tão avançada que o mundo virtual tem causado bastante morte e outras complicações, embora traga muitos benifícios.
    Nos dias de hoje estamos todo correndo perigo porque não podemos entrar em algum site de vendas que podemos ser roubados porque se comprar alguma coisa po exemplo. um sofá que eles falam para você pagar todo o sofá que eles entregarão depois mais nunca levam para você.
    O código Penal criou novas leis para proteger.Exemplo: não falsificar sua identidade quando entrar em algum site que você tem vários amigos que você não conheça.
    Para diminuir os crimes virtuais de hoje, podemos alertar as pessoas que não aceitem pessoas que não conheçam,não enviar solicitação de amizade para quem não conhece não importa se a foto que ele tem no perfil seja bonita ou bonito (não aceite).Sem falar da responsabilidade de cada um.

  13. Crime virtual, sem pensar, sem agir..
    “Suicídio” parece uma palavra tão grosseira, e ao mesmo tempo tão distante! Mas não; não está distante, pois ultimamente está sendo ouvida com muita frequência em jornais, rádio e televisão. O suicídio geralmente ocorre por difamadores na internet. Como o caso de Amanda Todd, uma menina de 12 anos, que se matou, após mostrar os seios para um estranho, que por consequência postou suas fotos em uma rede social.
    Nesses crimes, na maioria das vezes o agressor está no outro lado da tela. Mas você sabe em média quantas pessoas usam a internet no mundo? Só no Brasil são mais de 30 milhões, e no mundo 680 milhões de pessoas – cerca de 12% da população do planeta, segundo a ONU.
    São vários os motivos oportunos que levam a participação de um pessoa nas “redes sociais”.
    Socialização, entretenimento, negócios, divulgação de pensamentos, projetos e eventos, visibilidade, etc.
    No entanto, nem só benefícios promovem esse tipo de ferramentas da comunicação social. Muita gente aproveita-se das redes sociais para fins ilícitos. É preciso então muito cuidado para não serem vítimas dos predadores sociais. Roubos, pedofilia, difamação, discriminação, são crimes que se praticam através da internet, aproveitando-se da privacidade e da intimidade expostas nas comunicações pelas redes sociais. O público infanto- juvenil é, sem duvidas, mais vulnerável a esse tipo de ação criminosa. Acreditando estarem navegando num espaço seguro, revelam dados que podem ser utilizados para a pratica de delitos por delinquentes.
    No código penal quando um crime virtual acontecia, os juízes eram obrigados, a aplicar punições similares a de crimes comuns, muitas vezes, inadequadas ao fato julgado. A comissão de juristas sugeriu o aumento de penas para más condutas típicas na internet como a criação de perfis falsos.
    A pena agora para o crime de acesso indevido é de 6 meses a 1 ano de prisão, ou pagamento de multa, podendo haver acréscimo da pena de um sexto a um terço em caso de grandes perdas econômicas. O crime de intrusão qualificada, referente à obtenção de conteúdo eletrônico não autorizado, dados sigilosos de empresas, informações sigilosas, pode ser punida com pena de 1 a 2 anos de prisão e multa.
    Segundo o advogado Jair Jaroleto, especialista em direito penal e crimes na internet, a difamação lidera os casos de crimes virtuais no Brasil. “Isso porque as pessoas esqueceram que escrever nas redes sociais é similar a escrever em um outdoor” diz ele.
    Nos perguntamos o que fazer então?
    “Procure sempre seu nome em sites de buscas para ver se alguém está usando suas informações” completa o especialista Wanderson Castilho.
    “Porém, ainda é preciso ficar de olho ao que crianças e adolescentes fazem no mundo virtual, pois elas são os principais alvos desse tipo de criminosos on-line” diz ele.
    Sibele de Almeida.

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s